Tag Archives: saúde

Lip Balm EOS Smooth Sphere

6 maio

Eu via no youtube, em tutoriais gringos, muitas meninas comentando e falando super bem do lip balm da EOS (Evolution Of Smooth), e me chamou a atenção também pelo formatinho tão simpático. Como o produto não vende aqui, infelizmente, pedi pro meu irmão numa das viagens dele.

Olha, eu já usei muita manteiga de cacau, lip balm X e Y porque meus lábios são bem ressecados (respiradora bucal, oi o/), então sempre tenho um na bolsa, faça sol ou faça chuva.

O lip balm da EOS é 100% natural, composto de manteiga de karité e óleo de jojoba, e vitamina E, que é antioxidante.

O smooth sphere possui 5  sabores: Summer Fruit, Lemon Drop SPF 15, Honeysuckle Honeydew, Medicated Tangerine e Sweet Mint. Eu já comprei 3: Summer Fruit, Honeysuckle Honeydew e Sweet Mint, porque eu achei que só existiam esses 3 mesmo.

Digam se a embalagem e apresentação não são uma graça?

Além de ser fofo, o produto é ótimo. Dos lip balms que eu já usei, com certeza é um dos melhores! A hidratação nos lábios é ótima, não é melequento, sabe? Nem fica espesso nos lábios, ele desliza nos lábios e forma uma camada fina e hidratada. Ele não tem pigmentação, em nenhuma das apresentações, então e ótimo pra usar antes de qualquer batom.

O que eu mais gostei foi o Honeysuckle Honeydew, com extrato de madressilva, como o próprio nome diz. Como disse minha mãe, dá até vontade de comer de tão gostoso!

E a hidratação dele perdura, mantendo os lábios úmidos e macios. Pra passar, não precisa nem fazer aquela cara de ‘O’, com os lábios fechados e uma passada, já é suficiente pra hidratar a boca inteira.

E o preço também é ótimo, a média é de $3,99, e você encontra nos supermercados ou nas farmácias dos EUA. Pra quem não tá podendo viajar e gostou, já vi vendendo no Amazon, é só procurar uma loja que entregue no Brasil.

Um produto que eu adorei e não tiro mais da bolsa!

Honeysucke Honeydew

Curiosidades acerca do lip balm da EOS…

Chuck Bass também usa!

Chuck Bass, coxinha master, hidrata seus lábios com EOS!

Hey, Chuck, nem precisa fazer careta assim!

E ele não está sozinho… Kellan Lutz, o Emmett Cullen da saga Twilight, também se cuida usando EOS:

Kellan Lutz

A EOS possui outros lip balms e outros produtos legais. Vale lembrar que a marca é cruelty-free. =D

 

Atualizando 08/08: agora ficou mais fácil ter o lip balm mais rechonchudo! A Brigette’s Boutique está com o balm em estoque a US$ 3,29 + frete. Existem outros tipos de balm da marca também. Dá uma olhada! Lembrando que pra comprar lá precisa de cartão de crédito internacional.

O review:

  • Embalagem: 5/5  nem precisava dizer, né? Além de fofíssima ao extremo, é prática e fácil de guardar – rosquea e não tem problema da tampa sair sozinha na bolsa, como poderia acontecer com outros produtos.
  • Aplicação: 5/5
  • Valor: 5/5 – levando em consideração o preço de mercado, fica barato até se importar no Amazon.
  • Qualidade: 10/10

Nota Geral: A+

Anúncios

Sorrisos charmosos

15 mar

Poucas pessoas puderam se livrar de aparelhos ortodônticos na infância – aquele aparato de metal que ‘enfeitava’ a nossa boca e dos amiguinhos. Quando não se usou mais de um tipo – lembram daquele ‘freio de burro’? Ótemo, né?

Tudo em busca de não apenas estética, mas também preocupação em manter e corrigir espaços para nossa dentição. Mas quem não gosta de um sorriso alinhado?

 

Bom, sempre há quem vá contra os desejos estéticos da maioria. Já viu aquele sorriso com uma pequena ‘janelinha’ entre os dois dentes centrais? Esse espaço é conhecido como diastema, que não é necessariamente pra ser temido. Fora o problema estético, ele pode causar um problema periodontal, ou seja, um probleminha na gengiva, por causa desse espaço que ficam entre os dentes. Vai saber o que vai parar lá… É mais comum o espaço entre os centrais, mas como vocês vão conferir abaixo, não é regra.

 

E de uns tempos pra cá, temos visto esses sorrisos charmosos em alta. Mas não é de hoje que o diastema causa frisson. Vejam só como Brigitte Bardot, Jane Birkin e Lauren Hutton já faziam sucesso nos anos 60 e 70:

Brigitte Bardot - a atriz francesa arrancava suspiros na década de 60 e 70

Jane Birkin é até hoje musa que inspira muitos artistas, seja por sua beleza, pela música e pela sétima arte

Lauren Hutton, atriz e modelo da década de 70

 

E, hoje em dia…

Bom, se você duvida que esse sorriso é realmente charmoso, veja só a dona deste sorriso e quem está ao lado dela. Essa é a Vanessa Paradis, que é ‘só’ a esposa do Johnny Depp. Tá bom pra vocês? Brincadeiras a parte, porque não queremos tirar crédito algum da moça, ela também é cantora, atriz, e modelo, já fez campanhas para Chanel, sendo musa de Karl Lagerfeld.

Vanessa Paradis

Bom, a próxima dispensa apresentações, né? O diastema da Madonna não é tããão aparente, mas é super característico da cantora, que Lady Gaga até fez homenagem recentemente, no clipe “Born This Way”.

 

Georgia May Jagger, filhota de ninguém menos que Mick Jagger, é uma das new faces que andam em alta por conta do sorriso peculiar. Foi comparada à diva Brigitte Bardot quando apareceu.

Outras modelos que andam em alta:

Ashley Smith, Lindsey Wixson e Lara Stone

Ashley Smith já fez campanha para Prada, Levi’s, Alexander Wang. Lindsey Wixson já foi modelo para Miu Miu, John Galliano e Prada, e Lara Stone é uma das modelos mais requisitadas do momento. Já fez campanhas para Calvin Klein, Louis Vutton, Fendi, Marc Jacobs, Givenchy, Gaultier, DKNY entre outros. Não é fraca, né?

 

E pra finalizar, uma das atrizes responsáveis por tornar famoso o diastema atualmente, Anna Paquin, a heroína Sookie Stackhouse do seriado True Blood, um dos meus favoritos atualmente. Também conhecida por seu papel como Vampira em X Men, já ganhou um Oscar aos 11 anos de idade por seu papel em ‘O Piano’, filme bom e com excelente trilha sonora, diga-se de passagem. A nossa Sooookeh, que já levou um Grammy de melhor atriz por sua atuação em True Blood, também é casada com o bonitão Stephen Moyer, o Bill, com quem contracena no seriado. Sou totalmente team Bill apesar de já ter lido os livros e… vamo pará com o spoiler.

E o casal Anna Paquin & Stephen Moyer. Lovely!

Anna Paquin & Stephen Moyer

 

Não é à toa que eu já ouvi paciente pedindo prótese com diastema pra dar uma ‘caracterizada’.  Mas por enquanto mais fechamos do que abrimos. 😉

Roer unhas, um mal desnecessário

11 mar

Meninas,

A correria está matando! Mas hoje passei por aqui para falar rapidamente sobre unhas.

Essa semana eu vi mulheres roendo compulsivamente o dedo, nem era mais a unha, no metrô. As mãos dessas cidadãs eram horríveis, repulsivas. E a coisa não parou na mão. Pé também.

Gente, não tem coisa mais nojenta de roer unha, principalmente depois de você se segurar em um transporte público e depois colocar a mão na boca. No way beee! As pessoas suam nas mãos, infectam os locais com bactérias, vão ao banheiro na rua e não lavam as mãos…….não, vamos parar por aqui. Acho que já entederam o recado. Só de pensar já é um ótimo argumento para parar com essa mania, não?!

Por mais que a gente fale, “menina, toma vergonha na cara e deixa a unha crescer”, não deve ser fácil.  A mania de roer unhas é conhecida como onicofagia. É um hábito que muitas pessoas desenvolvem desde crianças.

Já ouvi falar de um esmalte que deixa um sabor amargo nas unhas. Pode ser um bom começo, mas não achei nada sobre isso para dizer marca e preço certinho.

Eu ainda acho que deixar a mão sempre bonita, bem feita, e de preferência com esmalte escuro, é um grande incentivo. Ou até mesmo, unha de porcelana e outras tecnologias que existem no mercado para ajudar nesse processo. Acho que dá pra pensar duas vezes antes de destruir um visual bonito.

E meninas, com o ato de roer, não é só as unhas que ficam feias, afeta a saúdade da nossa boquinha e do nosso estômago também. Isso também vale para você que chegou até o final desse post com a mão na boca! Evite!!!!

É isso meninas! Força de vontade! Porque unha feia é over!

Acetona vs Removedor de Esmalte

28 dez

Muita gente nem se dá conta ao comprar, se está levando acetona ou removedor de esmalte. Ou se existe diferença entre eles. Os dois tiram esmalte, certo? Mas sim, há diferenças!

 

Eu sempre usei o que tinha em casa, muitas vezes sem saber qual dos dois eu estava usando. Contanto que tirasse o esmalte, né?

Mas vocês já notaram que, quando fica aquele esbranquiçado nas unhas após tirar o esmalte, se você usou acetona ou removedor? E esse esbranquiçado irrita! Dá impressão que o produto não funciona, você não consegue ver se saiu tudo direitinho e acha que ainda tá sujo. E sobre unhas enfraquecidas, será que tem relação?

 

Acetona VS Removedor de Esmaltes

A acetona tem aquele cheiro forte característico, embora existam algumas marcas que já são inodoros, como o Expert Touch da OPI. Mas é gringo, e convenhamos que não dá pra gastar com produto importado um item tão básico.

Além do cheiro, a acetona resseca a pele e a cutícula, o que dá pra ver logo depois de usar o produto. E sabe aquele esbranquiçado chato que falei? Tanam! Coisa da acetona. O que não é tão visível e às vezes a gente nem se dá conta, é que a acetona também enfraquece as unhas a longo prazo. Imaginem que o mesmo produto, ainda que em concentrações diferentes, é usado no mercado como solvente também de tintas e vernizes.

Eu tenho as unhas enfraquecidas, e daqui em diante vou abandonar a acetona e aviso se notar alguma diferença. Sem falar nas minhas pobres cutículas, né? Quem sabe assim o SOS Cutículas funciona direito!

 

Já o removedor de esmalte, não contém acetona em sua fórmula, o que evita o ressecamento e o enfraquecimento das unhas. Geralmente têm um cheiro mais agradável e suave também. Os removedores possuem emolientes e óleos em sua fórmula, ajudando na hidratação. Também possuem uma boa gama de produtos à venda no mercado, podem sair um pouquinho mais caros, e demoram mais pra remover o esmalte, no geral.

 

Posto isso, dá pra chegar facilmente à conclusão que o removedor de esmalte compensa muito mais. Até porque saúde não tem preço. Ele é um produto mais caro, mas não é nada absurdo e é em prol da saúde das unhas, né?

 

Bom, vou fazer minhas experiência e conto pra vocês mais pra frente. Enquanto isso, por que vocês não contam pra gente o que vocês usam e se faz diferença? 😉

Saúde e Beleza: cuidados com a alimentação

9 nov

Queridos,

Hoje deixo a palavra com minha querida amiga Thaysa, que é nutricionista, e participa pela primeira vez como colaboradora no blog, falando de Nutrição e saúde, afinal sabemos que tem tudo a ver com beleza! Temos que nos cuidar, e a saúde começa pela boca! Boa leitura! =D

Amanda N

 

A Pirâmide Alimentar – Noções Básicas de Nutrição


A maioria das pessoas sabe que a adoção de uma alimentação
balanceada é fundamental para a manutenção da saúde. E que aliado a isso,
devemos praticar atividade física regularmente para alcançarmos uma boa
qualidade de vida.
Porém o que muitos não sabem é que alimentar-se de forma saudável
e balanceada é mais fácil do que se imagina! Esqueça aquelas revistas
direcionadas ao público feminino que prometem um corpo enxuto como o da
Gisele Bündchen em poucas semanas! Isso é balela! O melhor caminho para
uma perda de peso saudável e duradoura é a reeducação alimentar.
Em 1999, a Dra. Sonia Tucunduva, nutricionista e professora do
Departamento de Nutrição da Faculdade de Saúde Pública da USP, trouxe
para o Brasil a pirâmide de alimentos desenvolvida para a população norte-
americana e adaptou-a para a população brasileira, baseando-se em nossos
hábitos alimentares.
A Pirâmide de Alimentos Brasileira é um instrumento gráfico largamente utilizado por nutricionistas na orientação de seus pacientes. É um instrumento de fácil compreensão, no qual os alimentos estão divididos em 8 grupos, com os respectivos números de porções que devem ser consumidos diariamente. O número de porções varia de acordo com a necessidade calórica diária de cada indivíduo e o seu cálculo é feito considerando-se idade, sexo, peso, altura e nível de atividade física.


A seguir, uma breve explicação sobre os grupos de alimentos e a sua localização na pirâmide:
Grupo 1 Cereais, tubérculos e raízes: é a base da pirâmide, ou
seja, representa o grupo de alimentos que deve ser consumido em maior
quantidade, pois são os alimentos fontes de energia.
Grupos 2 e 3 Verduras e Legumes/Frutas: estão no 2º nível da
pirâmide, o que significa que também devem ser consumidos em grandes
quantidades, já que é através desses alimentos que obtemos a grande maioria
das vitaminas e minerais que nosso organismo necessita para funcionar
perfeitamente.
Grupos 4, 5 e 6 Leite e derivados/Carnes e Ovos/Leguminosas:
presentes no 3º nível da pirâmide, são os alimentos que nos proporcionam
o aporte protéico que necessitamos; além de outros micronutrientes, como a
vitamina B12, o cálcio, o ferro e o zinco, essenciais para o nosso corpo.
Grupos 7 e 8 Óleos e Gorduras/Açúcares e Doces: no topo da
pirâmide, estes grupos de alimentos devem ser consumidos com muita
moderação, em decorrência de sua alta densidade de gordura e energia.
Como vocês podem ver, guiando-se por essa pirâmide, conseguir uma
alimentação balanceada se torna uma tarefa muito mais fácil! O importante
é ter bom-senso na hora de escolher tanto os alimentos como o tipo de
preparação, além de prestar atenção na quantidade (número de porções) que
estamos ingerindo.
Por isso, fica a dica: da próxima vez que fizer uma refeição, preste
atenção no seu alimento, concentre-se no ato de comer e saboreie cada
momento da sua refeição, afinal comer é um dos grandes prazeres da vida!
Atenção: o conteúdo deste artigo é apenas informativo e não substitui a
necessidade de uma consulta com um profissional. Se você deseja, de
fato, modificar a sua dieta e obter orientações personalizadas, consulte um
nutricionista.

 

 

Chulé??

8 nov

Todo mundo sabe o quanto é desagradável ter chulé, e por mais que não falte higiene e alguns cuidados, alguns tipos de calçados não ajudam muito, como nossas amadas Melissas, ou como alguns diriam, Chulissas! Hehehe o plástico piora a transpiração do pé, principalmente nas Melissas fechadas, que impede  a ventilação dos pés.  Eu nunca tive problemas de chulé, até conhecer as queridas sapatilhas.

A dica que vou dar aqui é mais especificamente para as Melisseiras de plantão, porque só quem tem Melissa sabe que o chulé parece uma praga impossível de exterminar. A gente pode lavar a Melissa todos os dias, usar álcool, e volta e meia o cheirinho volta. Tem coisa pior do que cheiro de chulé combinado àquele cheirinho tutti-frutti de Melissa?? Ugh!

Então, aqui vai a dica de ouro que, tenho certeza que seus namorados também vão gostar!! Hehehe

Andei caçando sobre maneiras de exterminar o cheiro de chulé das Melissas, e achei um produtinho de ouro: o Talco Cremoso Antisséptico da Granado, da linha Pink. Já tinha pensado em talco, mas só de pensar, quase abandonava a idéia, porque talco dá a impressão que vai deixar o pé todo melecado e que só vai piorar a situação. Então, nada melhor do que testar um cremoso!

Apostando todas as minhas fichas, estou testando o produto há mais de uma semana. No começo, pareceu não dar muito resultado, o que foi um pouco desanimador. Mas hoje fez um calor dos infernos e fiquei o dia todo de Melissa, e ao chegar em casa, tirei sem medo! Uma maravilha! =D

O talco cremoso antisséptico Granado Pink “combate a transpiração e as bactérias causadoras do mau cheiro, além de inibir o crescimento do fungo Trichophyton mentagrophytes, um dos principais causadores da micose. Base vegetal de rápida absorção preparada com derivados do milho.”

Realmente é fácil de aplicar, e tem um cheirinho agradável:

Fragrância
Notas de Topo – Acorde de frutas exóticas, Laranja, Freesia.
Notas de Corpo – Flor Laranjeira, Gerânio, Jasmim
Notas de Fundo – Baunilha, Patchouly, Musk, Fava tonka.

Também pode ser aplicado nas axilas.

O tubo de 100g sai por volta dos R$ 12,00. Pode ser encontrado nas farmácias, na Ikesaki ou mesmo no site da Granado.

 

Também é importante manter sua Melissa sempre limpinha, seguindo as recomendações do fabricante. O melhor é lavar com água e sabão neutro (pode ser detergente, aquele amarelo, que não tem cheiro), com uma escovinha de dentes, limpando bem os cantinhos.

Existem alguns problemas de saúde que contribuem para o chulé, então procure saber a fonte do seu. O meu é estritamente melisseiro hehehehe

Boa sorte!

Estética do Sorriso: Clareamento

22 jul

Boa noite, meninas! =)

Nossos cuidados diários também incluem cuidar do nosso sorriso, e quem não gosta de dentes branquinhos? Se seus dentes já foram mais claros ou nunca foram, como para quase tudo nessa vida, há solução: o clareamento dental.

Primeiro, devemos nos perguntar, por que os dentes mudam de tom?

Basicamente, existem fatores externos e intrínsecos que podem alterar a cor dos nossos dentes, como alimentação, através do excesso de corantes, café e Coca-Cola, vinho tinto, chá mate, e cigarro. Essas manchas são passíveis de remoção simplesmente pela limpeza dental que seu dentista realiza no consultório, porque essas manchinhas ficam apenas na superfície do dente.

Mas existem substâncias e pigmentos que tornam-se mais profundos, fatores genéticos ou adquiridos ao longo da vida, que ficam ‘impregnados’ na intimidade da estrutura dental, que precisam de tratamento mais específico, o clareamento dental.

Existe o clareamento de consultório e o caseiro. Basicamente, o que difere no tratamento é o tipo de pigmento e a extensão das manchas em seu dente, o quanto você quer clarear e o fator ‘meu bolso’.

O clareamento de consultório é realizado com laser ou luz halógena, que ativa e acelera, o que te dá a vantagem de um clareamento mais rápido e em menos sessões. Alguns são feitos em apenas uma sessão. O gel clareador utilizado em consultório tem uma concetração maior do peróxido de hidrogênio, o agente mágico do sorriso branquinho. Sim, é água oxigenada. Claro que tudo adequado para o tratamento dental. Outro agente clareador que você pode ouvir falar é o peróxido de carbamida, também presente em algumas fórmulas.

Já o clareamento caseiro, você vai precisar daquela moldeirinha de silicone, que dependendo do fabricante ou do tipo de clareador, vai te acompanhar por duas horas, ou a noite inteira, em que você mesma irá preencher com o gel clareador, seguindo as instruções do seu dentista. Geralmente o tratamento dura uma semana, isso varia também de acordo com o fabricante ou dependendo do tom que você quer atingir.

Essa é uma seringa para clareamento caseiro.

Os géis clareadores possuem várias concentrações. Só o cirurgião-dentista está apto a avaliar qual a concentração do produto para seu tratamento, de acordo com a cor dos seus dentes, sua sensibilidade e sua necessidade.

É comum apresentar sensibilidade durante ou após o tratamento, que deve desaparecer logo e deve ser branda. Se você já apresenta sensibilidade normalmente, o clareamento dental não é recomendável.

Outra dica que é um pouco óbvia mas que vale ressaltar é que, se você é fumante, deve parar de fumar caso contrário o tratamento não funciona. Tá aí um ótimo estimulante pra largar o cigarro, que não tem nada de bom, deixa seus dentes feios e ainda causa males incontáveis para sua saúde.

Os americanos adoram o branco ‘Hollywood’, aquele sorriso que até cega de tão branco. Eles inventam vários aparatos para clarear os dentes em casa, como as fitas da Crest, as Whitening Strips. Há até mini aparelhos de luz que aceleram o clareamento feito em casa, mas todos essas invenções que parecem magníficas de ‘faça você mesmo’ não possuem o mesmo efeito dos clareadores profissionais, já que qualquer um pode comprar nas farmácias. O gel clareador pode queimar sua gengiva e qualquer tecido mole que entrar em contato com ele, por isso é feito sob orientação profissional. Para ser aprovado livremente ao consumidor, as fitas possuem baixo potencial agressivo, e servem mais para manter e prolongar o efeito obtido do clareamento prévio.

Há alguns casos específicos congênitos ou por uso de antibióticos que não são clareados facilmente. Portanto, consulte seu dentista, e veja qual é o melhor tratamento pra você. Não se esqueça que é um tratamento e portanto deve ser orientado por um profissional.

Pra finalizar, vou deixar um vídeo da Michelle Phan indo ao consultório fazer um clareamento, para vocês terem uma idéia de como é feito. Esse equipamento é chamado Zoom2, da Discus, e clareia até 8 tons em uma única sessão. Ele ativa o gel através de luz halógena. A Discus é uma das marcas cujo gel clareador possui dessensibilizante em sua fórmula, ajudando a diminuir os efeito desagradáveis pós clareamento.

Esse sistema está disponível no Brasil também.

Se tiverem dúvidas, é só me escrever!